Sinais e sintomas do envenenamento por agrotóxicos
thumbnailCAAK6UE7.jpg

O uso indevido e inadequado de agrotóxicos é responsável pelos altos índices de intoxicação verificados entre os produtores e trabalhadores rurais, provoca a contaminação dos alimentos consumidos pela população, causando ainda grandes danos econômicos e ambientais à sociedade.

Sinais e Sintomas do Envenenamento por Agrotóxicos

A ação dos agrotóxicos sobre a saúde humana costuma ser deletéria, muitas vezes fatal, provocando desde náuseas, tonteiras, dores de cabeça ou alergias até lesões renais e hepáticas, cânceres, alterações genéticas, doença de Parkinson etc. Essa ação pode ser sentida logo após o contato com o produto (os chamados efeitos agudos) ou após semanas/anos (são os efeitos crônicos) que, neste caso, muitas vezes requerem exames sofisticados para a sua identificação.
Sintomas de intoxicação podem não aparecer de imediato. Deve-se prestar atenção à possível ocorrência desses sintomas, para que possam ser relatados com precisão. O agricultor intoxicado pode apresentar as seguintes alterações:
• irritação ou nervosismo;
• ansiedade e angústia;
• fala com frases desconexas;
• tremores no corpo;
• indisposição, fraqueza e mal estar, dor de cabeça, tonturas, vertigem, alterações visuais;
• salivação e sudorese aumentadas;
• náuseas, vômitos, cólicas abdominais;
• respiração difícil, com dores no peito e falta de ar;
• queimaduras e alterações da pele;
• dores pelo corpo inteiro, em especial nos braços, nas pernas, no peito;
• irritação de nariz, garganta e olhos, provocando tosse e lágrimas;
• urina alterada, seja na quantidade ou cor;
• convulsões ou ataques: a pessoa cai no chão, soltando saliva em grande quantidade, com movimentos desencadeados de braços e pernas, sem entender o que está acontecendo;
• desmaios, perda de consciência até o coma.
É preciso salientar que sintomas inespecíficos (dor de cabeça, vertigens, falta deapetite, falta de forças, nervosismo, dificuldade para dormir) presentes em diversas patologias, freqüentemente são as únicas manifestações da intoxicação por agrotóxicos, razão pela qual raramente se estabelece esta suspeita diagnóstica. A presença desses sintomas em pessoas com história de exposição a agrotóxicos deve conduzir à investigação diagnóstica de intoxicação. É importante lembrar também que enfermidades podem ter outras causas, além dos produtos envolvidos. E um tratamento equivocado pode piorar as condições do enfermo.

4pulver2.jpg

INTOXICAÇÃO

Podem ocorrer dois tipos de intoxicação:
ATENÇÃO - Estes são alguns exemplos de sintomas
comuns em pessoas que sofreram intoxicação por
agrotóxico:
• DOR DE CABEÇA • MAL-ESTAR E CANSACO
• TONTURA E FRAQUEZA • DIFICULDADE RESPIRATÓRIA
• DOR DE BARRIGA E DIARRÉIA • NÁUSEAS E VÔMITOS
• SALIVA E SUOR EXCESSIVO • PERTURBAÇÃO DA VISÃO
Se durante ou depois do trabalho com agrotóxicos a pessoa
apresentar algum desses sintomas, siga as recomendações
abaixo rapidamente:
• afastar o acidentado de todas as fontes de contaminação
(locais e roupas) e lavar com muita água e sabão as partes do
corpo atingidas pelo produto;
• providenciar atendimento médico imediato, mantendo o
intoxicado em repouso;
• se a pessoa que engoliu agrotóxico está acordada, procure
fazê-la vomitar, colocando o dedo no boca e tocando
levemente a garganta;
• caso haja necessidade de transportar o acidentado para
receber cuidados médicos, deve-se levá-lo deitado de barriga
para baixo e com a cabeça virada para o lado.

[[embedvideo]
http://www.youtube.com/watch?v=G0fDZUfIf7w&feature=related(GoogleVideo,YouTube,Revver,Dailymotion)
[[/embedvideo]]

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License